segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Essa noite eu sonhei com você


Essa noite eu sonhei com você.
Sonhei com o seu rosto,
com seus olhos.
Sonhei com uma troca de olhar,
com um sorriso.
Sonhei com seu perfume
e com o seu jeitinho doce.

Acordei nessa manhã
querendo voltar a dormir.
Assim como em muitas outras,
só queria rever seu sorriso.
Poderia permanecer durante todo o dia
nessa perfeita ilusão,
com o seu rosto perto do meu
e um beijo apaixonado.
Mas como é cruel a vida!
Tive que acordar,
e por mais que tente,
não tenho sono para dormir mais.

Agora eu quero que a noite chegue.
Quero ver o seu rosto mais uma vez,
mesmo que seja só em sonho.
Enquanto não posso te ver, te tocar pessoalmente,
minha alma agradece
que ao menos eu possa sonhar.

Então que o sono chegue!
Que iluminada pela luz do luar
e reluzindo ao brilho das estrelas,
eu possa voltar a sonhar com a sua presença.
E acordar mais uma vez
com um olhar reluzente.
Por saber que esse sonho
se baseia em algo real
e eu tenho cada vez mais certeza disso
quando olho minha mão direita
e vejo o presente que você me deu.
Eu noto, meus olhos se enchem d'água
porque eu percebo que é tudo real
e que quando eu voltar a dormir,
sonharei de novo
com sua beleza surreal.

Essa noite,
sonhei com você
e não foi a primeira,
nem será a última.
Continuarei a sonhar
para todo o resto dos tempos.
E um dia,
ao acordar,
olharei para o lado
e o sonho se estenderá.
Você estará lá,
com sua face de anjo
e um leve sorriso no rosto
que revelará
que não sou a única a sonhar.


Lara Cristina Veiga Bernardo 03/01/2011

2 comentários:

  1. Como disse clarice lispector..
    So por que ela acreditava em anjos, eles existiam...
    Belo escrito...
    Parabéns..

    ResponderExcluir